sexta-feira, 26 de novembro de 2010

ninguém sabe o duro que dei

Eu me impressiono muito com as coisas que ouço, vejo e leio. 
Ando aqui numa vibe fílmica [confere isso?] que tem envolvido meus finais de semana. e assisti a um documentário que, desde seu lançamento em 2008, chamou minha atenção: 'Simonal - Ninguém sabe o duro que dei' [taí o link pra quem quiser assistir].
 ,
Dois motivos foram os principais: 
1º - as músicas do Wilson Simonal sempre me cativaram demais [e digo mais, que anos mágicos foram aqueles em que tínhamos Simonal, Chico Buarque, Elis Regina e Jair Rodrigues nos Festivais da Canção], mas conhecia muito pouco de sua trajetória. E isso não é nada perto do que eu percebi depois de assistir o documentário e ver que eu DESCONHECIA demais.
2º - a direção do Casseta Cláudio Manoel.
.
Enfim, é um passeio pela história da música brasileira... que acaba transpassando muitos outros setores. O político é um deles.
Fiquei comovida com a luta do Simonal para vencer o ostracismo em que foi colocado pelos seus próprios colegas de profissão.
Mas me diverti com o jeito malandro, debochado, 'pilantra' e boa vida desse cantor que era magnânimo com seu público.
.
Se eu puder dar só um conselho neste Blog. Seria este: por favor, assistam 'Simonal - Ninguém sabe o duro que dei'.

Vou só apontar algumas frases do documentário que merecem destaque:
- "Ele começou a vender muitos discos. E isso incomoda 'um pouco' a crítica porque mostra que o sujeito tá muito e muito popular". [Ricardo Cravo Albin, pesquisador musical]
- "Primeiro os 15 mil da esquerda. Ok, ok! Agora os outros 15 mil da direita". Simonal comandando o coro da sua plateia.
- "Agora vamos cantar ao alho e óleo, suave, suave. Sem champignon, no champignon!" Ele, pedindo simplicidade ao público na hora de cantar 'Meu limão, Meu limoeiro'. Gênio!!!

Trailler do documentário

7 comentários:

  1. Adorável! Tu sabes o que escrever, amore. Segue este caminho que eu te sigo!

    ResponderExcluir
  2. Meu segundo comentário é: eu assisti e recomendo. Assim como eu recomendo SEGUIR e LER este ÓTIMO blog!

    ResponderExcluir
  3. Haaa!
    Pode deixar que vou contigo, siM! :}
    E pra embalar nosso passeio: 'Sacudim, sacundá. Sacundim, gundim, gundá'♫ [simonal feelings]
    agradeço demais pelo teu carinho e atenção cmgo.
    E, pessoal, confiram o blog do Daniel tbm hein [http://mellomoreirablog.blogspot.com].

    :D

    ResponderExcluir
  4. Gostei do documentário... Vale a pena!

    ResponderExcluir
  5. Tem que ouvir mais metal, Bárcia... hihihihi! xD bjss

    ResponderExcluir
  6. Gostei de saber que Simonal foi lembrado. Sempre fui sua fã. Sílvia

    ResponderExcluir
  7. Ouvi falar muito bem deste filme, mas ainda não vi. Tá anotado agora, pra não esquecer mais!

    Beijos, guria querida!

    ResponderExcluir

Está convidado a traficar palavras comigo!