segunda-feira, 1 de novembro de 2010

lo que siente la mujer

Quando imaginei que finalmente estávamos em pé de igualdade com os homens, começam a usar a nossa condição sexual como ferramenta de luta ideológica. Hey, os anos 60 e 70 já passaram.

Acho transgressora a mulher que usa o fato de 'ser mulher' para conseguir algo, como se fosse uma desculpa para ter direito a tais e tais coisas.

Mulheres são fortes por venceram no jogo limpo, com palavras sérias e sem mimimi. Desde quando mulher diz que é o sexo frágil? Ou pior, desde quando as mulheres se sentem orgulhosas por isso?! 
Fica aqui meu salve para as mulheres fortes, que lutam por si próprias e que não se utilizam do fato de serem mulheres como credencial para obter benefícios.

6 comentários:

  1. Hoje, mais do que nunca, deve-se falar disso! (Hoje eu digo ontem, na verdade, dia 31 de outubro). O dia em que o Brasil elegeu a sua primeira mulher presidente!! Sem falar que dia 31, que também é dia das bruxas (uma coisa histórica, que também tem a ver com o preconceito contra mulheres e machismo, de certa forma) - e 31 invertido é 13, o número da nossa Dilma!!! Hehehe! Homens são os sexo frágil =O =O que vão pro hospital por qualquer bolinha de papel xDDD HEAUAEHUAEHUAEHUAEH eu ri! Bjss, Bárcia!!!

    ResponderExcluir
  2. Acho que a Bia não entendeu o teor do meu post.
    Mas ok. Eu já expliquei pra ela no MSN.
    É por ações descritas no post da Bia que eu me encho de tristeza.
    De que adianta lutar por igualdade se vem uma mulher [no caso a candidata eleita] e nos pões em patamares diferentes. Utilizando-se de um pressuposto para angariar algo?! Não adianta NADA.
    Foi riscada uma diferença entre nós. E isso faz com que nós mulheres desçamos os degraus que tanto demoramos para subir.
    E não se trata de machismo x feminismo. Não, não. O outro candidato tbm defendeu as mulheres e sempre as apoiou.
    A questão aqui é outra: a consciência.

    ResponderExcluir
  3. Acho que foi tu que não entendeu o que eu quis dizer! Ninguém se vale de um fator como masculino e feminino na hora de decidir o voto, e se se vale, vale pros dois! Se teve quem votasse na Dilma porque é mulher, também teve quem votasse no Serra porque ele é homem. E como a primeira mulher a ter chances de se eleger, ela não podia deixar de falar nesse assunto, mas nem de longe foi o assunto principal da campanha dela, e tu sabe disso, então, por que se sentir ofendida? É porque não tem mais nenhum assunto e precisa necessariamente implicar com ela? Enfim, tu já é grandinha e não precisa que te digam nada, mas não vem colocar palavras na minha boca, não!

    ResponderExcluir
  4. a beleza está na discordância.
    obrigada pela tua opinião, Bia! =)

    ResponderExcluir
  5. Parabéns Márcinha! Teus textos são sempre uma delícia de ler! Sucesso!!

    ResponderExcluir
  6. Assim eu gamo, Lívia. hehe :}
    sucesso pra gente, sempre.

    ResponderExcluir

Está convidado a traficar palavras comigo!